Entretenimento

Ultimas Noticias

Jovem que acusou eleitores de Bolsonaro de ter lhe agredido com uma suástica é fraude, e laudo afirma que ela se automutilou

Delegado responsável pelo caso aponta para autoflagelo ou que ela foi ajudada por alguém, com consentimento



Investigação e laudo da Polícia Civil do Rio Grande do Sul, divulgados nesta semana, apontaram que a suástica marcada na barriga de uma jovem de Porto Alegre há duas semanas foi resultado de automutilação.

Segundo a Polícia, desde o primeiro momento havia essa suspeita de que ela própria marcou o símbolo em seu corpo. O ferimento chegou a ser exibido no horário eleitoral. De acordo com a polícia, o caso pode ser considerado como “autolesão” e a jovem ser indiciada por falso testemunho.

Todas as câmeras do local foram vistas e revistas e, em nenhuma delas, ela apareceu. Entrevistamos guardadores de carro, síndicos de prédio, mais de 20 pessoas e nenhuma delas viu”, disse o delegado Paulo César Jardim.

Nenhum comentário